Compartilhar é se importar!

Você é beneficiário do Programa Bolsa família, mas está sempre em busca de novas formas de complementar a renda, não é? Pois saiba que existe um tipo de empréstimo feito especialmente para você! Portanto, veja agora tudo sobre o Empréstimo Bolsa Família 2020.

Dinheiro que pode ser usado para abrir um pequeno negócio a fim de finalmente conseguir a própria renda e um meio de subsistência familiar.

Então, compreenda agora como conseguir um empréstimo com condições especiais que vai te ajudar a manter uma renda por conta própria. Assim, você terá um micro negócio só seu e parará de depender do benefício!

Olha o que você vai aprender hoje por aqui!

COMO É O EMPRÉSTIMO DO BOLSA FAMÍLIA 2020?

Muita gente que recebe o benefício do Bolsa Família não sabe que é possível pedir empréstimo através do Cartão Bolsa Família.

No entanto, essa facilidade tem como objetivo ajudar as famílias beneficiadas a terem os próprios meios de conseguir uma renda digna. Em outras palavras, é voltado para pessoas que desejam deixar de depender do Programa Bolsa Família.

O empréstimo é dirigido a quem cobiça caminhar com as próprias pernas, abrindo um micro negócio pessoal. Dessa maneira, elas deixariam de depender do Bolsa Família e teriam os próprios meios de subsistência. Visto isso, podem fazer parte do microcrédito:

  • Famílias com ganhos inferiores de R$ 170,00 mês.
  • Todos os jovens e crianças entre 17 e 6 anos tem que estar com matrícula na escola.
  • Participação de eventos do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) visando à mulher saudável.

Porém fique atento, pois esse empréstimo coloca o próprio Bolsa Família como garantia! Então, pense bem se essa é mesmo a melhor opção de crédito para você.

Consulte também se o empréstimo pode ou não bloquear o seu benefício no artigo Bolsa Família Bloqueado (cancelado).

QUAL O VALOR DO EMPRÉSTIMO DO BOLSA FAMÍLIA?

O valor do empréstimo varia de acordo com a realidade financeira da família que entra com o pedido. No entanto, podemos dizer que a quantia para investimentos difere de R$ 300,00 até R$ 15000,00.  

Entretanto, algumas dicas básicas de economia podem te ajudar a não se enrolar na hora de pedir o Empréstimo Bolsa Família, seja pela Caixa Econômica ou em qualquer Banco que escolher.

Como por exemplo, ter um objetivo bem claro em sua mente.

Quer montar um carrinho de cachorro quente? Ou uma máquina de churros? Quem sabe um pequeno salão de beleza para conseguir sua própria fonte de renda? Pois tenha esse objetivo bem claro e não gaste o dinheiro do empréstimo com nada que não se relacione a esse sonho.  

Mas fica a curiosidade: De onde surgiu esse empréstimo? É uma iniciativa do próprio programa Bolsa Família? Sim e não.

A ideia de oferecer empréstimo a condições especiais usando o Bolsa Família surgiu de outra iniciativa também vinculada ao programa social.

A possibilidade de fazer o Empréstimo Bolsa Família 2020 iniciou com o Programa Progredir. Veja mais sobre esse programa a seguir.  

PROGRAMA PROGREDIR E O EMPRÉSTIMO BOLSA FAMÍLIA 2020

O objetivo do governo é diminuir o número de famílias na linha da pobreza no país, e isso significa não só garantir uma ajuda mensal em dinheiro. Mas também representa dar a oportunidade das famílias progredirem social e economicamente.

Afinal, a meta é oferecer uma forma digna de sustento para famílias de baixa renda por todo o Brasil.

Por isso, foi criado o Programa Progredir, projeto com uma série de medidas, visando o progresso das famílias necessitadas que estejam no CadÚnico e das beneficiadas pelo Bolsa Família.

O intuito desse programa é ajudar as famílias a ter o seu próprio sustento. Para isso abre a possibilidade de fazer empréstimo junto a bancos como Caixa Econômica e Banco do Nordeste.

Por sua vez, esse empréstimo ajuda a dar o pontapé inicial para abrir o próprio negócio ou ajudar a alavancar o pequeno comércio que já possui.

QUAIS AS MODALIDADES DO PROGRAMA PROGREDIR?

Como dito anteriormente, o Programa Progredir possui várias modalidades que tem como objetivo ajudar a garantir formas dignas de subsistência.

Para isso, o projeto tem diversas opções:

  • Emprego: o programa conta com o apoio de várias empresas parceiras que ajudam oferecendo vagas de emprego para os perfis do trabalhador. Ou seja, quer parar de depender do Bolsa Família com um trabalho? O Programa Progredir pode te ajudar.
  • Qualificação: Quer trabalhar para ter o próprio sustento e da sua família, mas não tem a qualificação necessária? O programa Progredir oferece cursos gratuitos presenciais e a distância para você se preparar para o mercado.
  • Recursos: está pensando em empreender para deixar de depender dos programas sociais? O Programa Progredir oferece a possibilidade de fazer empréstimo usando o Bolsa Família como garantia e ter acesso a condições especiais.

É justamente nessa última modalidade que o Empréstimo Bolsa Família 2020 se encaixa!

QUEM TEM DIREITO AO EMPRÉSTIMO DO BOLSA FAMÍLIA?

Esse empréstimo é exclusivo para quem possui o Bolsa Família e tem cadastro atualizado no CadÚnico.

Portanto, o primeiro passo a ser providenciado é se cadastrar no programa Bolsa Família. Que por sua vez, exige o Cadastro Único.

É importante ter em mente também que esse tipo de empréstimo é classificado como microcrédito produtivo. Ou seja, deve ser usado para fazer algo eficaz que vise o sustento da família.

Como montar uma barraquinha de cachorro quente, por exemplo. Assim, os requisitos necessários são:

  • Ser emancipado ou maior de 18 anos de idade;
  • Não ter o nome com inadimplência em nenhum cadastro, pois caso esteja, o dinheiro só será liberado quando o nome for limpo;
  • Possuir avalista se for o caso.

Lembrando que o uso do empréstimo será exclusivo para as despesas do negócio. Além disso, as parcelas não poderão ser descontadas do Bolsa Família.

O ideal é que esse micro negócio se transforme na fonte de renda da família. Assim, ela poderá ser desligada do Programa Bolsa Família, pois não precisará mais da ajuda do governo.

Isso é bom para quem recebe o empréstimo e bom para quem ainda não conseguiu fazer parte do Programa Bolsa Família.

Porque com famílias podendo garantir o próprio sustento e sendo desligadas, haverá novas vagas para interessados que estão ainda na espera de conseguir ajuda do Programa Bolsa Família.

COMO FUNCIONA O EMPRÉSTIMO DO BOLSA FAMÍLIA 2020?

Funciona da seguinte maneira: as famílias beneficiadas pelo Programa Bolsa Família podem pedir o empréstimo no Banco (Caixa Econômica ou qualquer outro banco que seja vinculado). Dessa forma, elas usam o dinheiro do Bolsa Família como garantia de que terão como devolver o dinheiro.

Visto isso, levando os devidos documentos, o empréstimo poderá ser entre R$ 300,00 e R$ 15000,00. Em que o valor e a aprovação considerarão a realidade financeira da família em questão.

Não pense, porém, que é uma boa ideia pegar R$ 15000,00 de uma vez. Pois ao fazer isso, você poderá comprometer suas finanças e acabar se enrolando em dívidas.

Para isso, vale utilizar o bom senso! Uma dica é ficar de olho no valor da prestação a ser paga mensalmente.

Porque a parcela do empréstimo não pode ser superior a 30% da renda familiar, pois não deve comprometer o orçamento da família.

COMO CONSEGUIR O EMPRÉSTIMO DO BOLSA FAMÍLIA 2020?

Você vai precisar ser beneficiário do Programa Bolsa Família, ter renda além do benefício com carteira assinada e um fiador.

Então, se já é beneficiário do Bolsa Família, siga os seguintes passos:

  1. Vá até um posto de atendimento do CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) de sua cidade e solicite a sua inclusão no projeto Progredir.
  2. Depois de incluído, procure um fiador e se dirija a uma agência da Caixa Econômica. Ao chegar lá, solicite um agendamento de visita do agente da Caixa na sua casa.
  3. O agente fará uma visita como fiscal, para avaliar a realidade financeira da família.
  4. Após a visita, espere até oito dias. Esse é o tempo médio para a análise do pedido de empréstimo.
  5. Se o pedido for aprovado, o valor será liberado e depois depositado diretamente no seu cartão do Bolsa Família. Você poderá sacá-lo pela Caixa mesmo.

As taxas de juros vão variar de acordo com a quantia que você irá pegar, a quantidade de parcelas e a realidade financeira da sua família.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

Para deixar claro, a Caixa Econômica não é o único banco que oferece esse serviço em parceria com o Programa Progredir. Também fazem parte o Banco do Brasil e o Banco do Nordeste.

Por isso, os documentos necessários irão variar.

Incluindo os procedimentos do pedido. Para os demais bancos, o ideal é que você, após se cadastrar no Programa Progredir, entre no site do programa na Internet e faça o pedido por lá.

Após o pedido, o Banco escolhido vai entrar em contato com você oferecendo uma opção de empréstimo e a relação de documentos necessários.

A documentação varia de banco para banco, mas saiba que eles irão querer documentos que comprovem basicamente a renda:

  • Do solicitante
  • Da família do solicitante
  • E o patrimônio do fiador do solicitante.

É importante saber que, seja qual for o banco que você escolher, eles irão investigar a veracidade das informações, portanto nem tente mentir. Isso pode acabar em problemas sérios por caracterizar fraude.

CONCLUSÃO

Várias famílias desejam sair da situação de pobreza, deixando de ser dependentes do Programa Bolsa Família. Mas não têm fundos suficientes para investir em um negócio que vise sua própria subsistência de forma digna.

Por isso, o microcrédito do Programa Progredir vem como uma solução para essas famílias que conseguem o Empréstimo Bolsa Família 2020.

Pois com esse dinheiro elas podem investir em micro negócios que lhes proporcione a renda necessária para alcançar uma vida digna pelos próprios meios, progredindo social e economicamente.

Mas lembre-se, um empréstimo é um crédito e você tem a responsabilidade de cuidar das suas finanças sem comprometer o sustento de sua família.

Portanto, não se seduza e solicite somente aquilo que é preciso, absolutamente necessário e para determinado fim.  

Originally posted 2019-07-04 12:13:16.

Compartilhar é se importar!

Participe da discussão

1 comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *